Deus, o romântico

Deus

Deus estava com vontade de desafios naquele dia. Resolveu fazer com que a prática e o romântico se apaixonassem. No primeiro mês a prática tentou ser romântica. No mês seguinte, o romântico tentou ser prático.

O amor padeceu e Deus decepcionou-se. Decidiu então fazer com que a romântica e o prático se apaixonassem. No primeiro mês, o prático terminou a relação e Deus inquietou-se com a praticidade masculina. Resolveu que homens práticos só se apaixonariam por mulheres românticas até que aceitassem que a prática, na teoria era outra. Sujeito romântico esse Deus.

Sobre Reinaldo Glioche


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: