AMOR QUE FLORESCE

Sensibilidade se demonstra com ações singelas, mas de muito significado. Ela não tinha conseguido estar no enterro de sua avó pela morte inesperada e pela distância que as separava. A ligação, porém, era muito grande e ficou aquela frustração de não fazer as últimas despedidas.
Ficou, no entanto, querendo fazer uma homenagem àquela que sempre amou muito e acabou escolhendo a ligação com a terra e com as forças da natureza. Em sua casa com quintal e muitas árvores e plantas, achou que seria bom ter uma que desse o nome de Maria, comprada e plantada em um local de destaque do jardim. Escolheu uma “Herbe Magic Summer”, que não cresceria mais de 60 cm , mas que ficaria robusta e cheia de flores e já em junho daria a primeira florada. Mas não só isso. Ela fez questão de junto colocar mensagens sob a terra numa caixinha delicada, e que dizia mais ou menos assim: “vovó, seu amor estará sempre em todos os cantos do mundo. Sua presença estará aqui também, em nossa casa e em nossos corações. Te amo”.
O filho dela participou do ritual, pequenino ainda, mas ajudando a retirar a terra e depois cobrir as suas raízes. A sua mãe, também presente, fez a primeira rega e todos se abraçaram ao final, numa cerimônia emocionante. Ela tinha agora a certeza de ter amainado o seu coração, apesar das saudades que sempre carregaria com ela. Pelas janelas de seu quarto e cozinha poderia contemplá-la quando quisesse.
Maria estava lá, corporificada em cores e cheia de vida.


Uma resposta para “AMOR QUE FLORESCE

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: