O meu sonho é ser mãe

O meu sonho é ser mãe, ela disse. E eu fiquei pensando no tipo de mãe que ela vai ser e achei aquele sonho muito acertado, porque ela é amorosa e leva jeito com as crianças. Ainda é uma moça jovem, mas já está casada há alguns anos, o que me fez perguntar se havia alguma previsão para que tivessem o primeiro filho. Ela ficou séria e disse que ainda não havia como. E explicou: “Vou fazer um concurso público agora. Preciso focar em passar para ter dinheiro e então poder ter um filho”. Admirei-me da resposta, porque ainda não havia me ocorrido o óbvio, ou seja, que para ter um filho é preciso antes ter algum dinheiro.

Mas eu ainda quis fazer uma objeção e brinquei que a nossa geração sequer teria nascido se nossos pais pensassem assim. Ela não riu e disse que eram outros tempos. E começou a contar a história da sua criação, a dura vida no interior que fez com que visse os seus pais menos do que gostaria,  mas que não impediu que fosse amada, cuidada e hoje estivesse onde está. Falou que a mãe tinha a ajuda das vizinhas para olhar os mais pequenos, lembrou que o custo de vida era mais barato, e comparou com a sua própria situação hoje: não conhece vizinhas, sua mãe mora longe, o custo de vida é mais caro e ela, provavelmente, ainda vai precisar pagar uma babá. Disse ainda que quer curtir o seu filho e ter dinheiro para dar uma boa educação e orientação para que ele saiba reconhecer as oportunidades da vida. E concluiu, gravemente: “Um filho hoje não se pode jogar no mundo sem ter como criá-lo”.

Quis saber como ela conseguirá, nesses tempos de correria, dedicar mais tempo ao seu filho, e ela me contou que os professores podem escolher a quantidade de horas que prestam serviço e que as assistentes sociais concursadas trabalham apenas 30 horas por semana – além, é claro, de terem estabilidade no emprego.  Como é difícil realizar um sonho, observei. E fiquei imaginando um mundo em que só poderão ter filhos aqueles que trabalharem para o governo.

Anúncios

Uma resposta para “O meu sonho é ser mãe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: